Rio São João: Análise inicial mostra pH ácido e altas concentrações de alumínio e enxofre

A Secretaria Municipal de Saneamento Ambiental divulgou nesta sexta-feira (18), o resultado da análise preliminar da qualidade da água do rio São João, em Garuva. O relatório foi emitido depois do acidente com um caminhão que tombou na rodovia BR-376 carregado com 31.970 kg de ácido sulfúrico residual 69% (ONU 80/1832). Órgãos ambientais, como o IBAMA e o IAT também trabalham no monitoramento e investigação da extensão dos danos.

Peixes mortos surgiram ao longo no rio nesta semana. Foto: Divulgação

A análise apontou que o pH das águas monitoradas está com índice considerado ácido e altas concentrações de alumínio e enxofre na fauna aquática. A análise foi realizada no dia do acidente, às 16h, na Comunidade de Pedra Branca do Araraquara e mostrou que neste ponto o pH teve resultado igual a 3,92. Ainda de acordo com o relatório, somente após a análise completa da água e da ictiofauna é que se saberá ao certo as condições do rio São João atingido novamente por produto químico.

O Município irá acionar o Ministério Público Federal e solicitar abertura de ação civil pública informando a necessidade de barreiras de contenção na rodovia e demais medidas para mitigar os impactos ambientais nos casos de acidente com derramamento de produtos perigosos, que atingem principalmente o rio São João, trazendo diversos problemas econômicos e ambientais a população da cidade.

Os primeiros resultados identificaram contaminação do rio e na ictiofauna. Novos resultados devem ser divulgados durante a próxima semana. A Secretaria reforçou o alerta para que a população não utilize as águas do rio São João. A população está sendo orientada com a instalação de placas de alerta nas áreas afetadas, divulgação em rádio e em redes sociais, não sendo indicado o contato com a água para consumo, banho e pesca. As instituições ambientais municipais e estaduais seguem monitorando o incidente e seus efeitos.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*