Em duas semanas, Araquari registra 10 novos casos de Dengue

O número de focos do Aedes Aegypti também é assustador: são 404 espalhados pela cidade, com destaque para o bairro Itinga

O avanço da contaminação por Dengue vem preocupando as autoridades de Araquari. Somente este ano, 42 casos foram registrados no município, com destaque para o final de julho e início de agosto onde, em duas semanas, Araquari contabilizou 10 novos casos da doença transmitida pelo mosquito. O número de focos do Aedes Aegypti também é assustador: são 404 espalhados pela cidade, com destaque para o bairro Itinga.

Segundo o Setor da Dengue, da Secretaria Municipal de Saúde, neste ano, já foram realizadas diversas ações como aplicação de inseticida em ruas do bairro Itinga, considerado infestado. No início de julho, um mutirão vistoriou mais de 5 mil imóveis. Além disso, foi realizada também uma campanha de conscientização para que a população faça a sua parte e evite locais que possam ser criadores do mosquito Aedes Aegypti. No momento, não há nenhuma ação prevista, mas a Secretaria de Saúde está alerta para o aumento de focos e os agentes estão nas ruas vistoriando e conscientizando a população.

Tânia Eberhardt, secretária de Saúde, também destaca que a Prefeitura, além de ações diretas como a aplicação de inseticidas, está promovendo reuniões com associações de bairros para a conscientização da comunidade. “Porém, a questão da Dengue não é somente uma responsabilidade de governo, mas é uma ação de cuidado pessoal, uma ação de educação. Se, eu, cidadã, que moro em minha casa ou tenho uma empresa em Araquari não fizer a minha parte, não há nada que o governo possa fazer; cada um é responsável; você é responsável; faça a sua parte”, enfatizou.

Texto: Herison Schorr

Jornalista formado pela Faculdade Bom Jesus Ielusc

Siga o Folha Norte SC no Facebook e receba mais notícias de Araquari e região!

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*