Covid-19: Mortes de idosos acima de 60 anos caem em Garuva após vacinação

Mais de 2 mil pessoas receberam a primeira dose e mais de mil pessoas receberam as duas doses

A Secretaria de Saúde de Garuva registrou a queda no número de mortes de idosos acima de 60 anos, por Covid-19, após o município aplicar mais de 3 mil doses da vacina contra a doença. Mais de 2 mil pessoas receberam a primeira dose e mais de mil pessoas receberam as duas doses.

Antes do início da vacinação nos idosos, o município contabilizava 19 mortes pela doença. Dentre elas, 14 pessoas tinham acima de 60 anos de idade e outros três pacientes tinham menos de 60 anos, porém possuíam algum tipo de comorbidade. Apenas dois pacientes que morreram possuíam menos de 60 anos e não tinham comorbidades. Nesse período, a média de idade dos óbitos foi de 71,5 anos.

Após o início da vacinação em idosos, Garuva registrou mais 10 mortes por Covid-19, mas apenas metade desse número foi de idosos acima de 60 anos. São 5 mortes registradas de pessoas menores de 60 anos nesse período. A média de idade dos óbitos registrada após a vacinação é de 56,8 anos. A última morte registrada no município foi no dia 14 de abril.

De acordo com informações da Prefeitura de Garuva, é possível analisar, através dos números que, devido a vacinação, os idosos possuem, agora, uma tendência menor de necessitar de atendimento médico, porém, os números mostram que a doença atinge, e pode ser fatal, também em pessoas mais jovens e sem comorbidades.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*