Conheça a história da confeiteira de São Francisco do Sul que acumula milhões de visualizações em seu canal no YouTube

São Francisco do Sul é um coração cheio de histórias. Das antigas às que ainda vivenciam os nossos olhares, abaixo das janelas dos antigos casarões; na areia de cada praia; em redes de pescadores; nas malas de quem só veio a passeio, e prometeu voltar. Em seu aniversário de 174 anos, o Folha Norte SC conta a história de Marileia Paris, 40 anos, moradora do bairro Acaraí, uma francisquense que fez do amargor de uma infância pobre e da tragédia familiar com o assassinato da mãe pelas mãos do próprio pai, em doces caminhos, tornando-a referência na confecção de bolos. Seu canal Paris Cake Designer do YouTube acumula 490 mil inscritos e milhões de visualizações

Tudo começou como uma necessidade. Ao contrário da vida tranquila e próspera que Marileia costumava ter após seu casamento. Em 2012, o marido apresentou um problema grave de saúde e teve que ser afastado do trabalho. Antes de começar a receber o benefício do afastamento, a família, com dois filhos, ficou sem renda. Com o tempo, as despesas, que eram supridas pelo salário dele, foram crescendo, feito massa com fermento fresco. Prestes a ver a prosperidade da família “embatumar”, a mulher optou por colocar a mão na massa. “Comecei a pôr em prática meu amor pela confeitaria”, comentou.  A mãe da casa reuniu fermento, ovos, trigo e leite, e misturou tudo com um ingrediente especial: seu talento culinário. 

Nesta vídeoaula sobre decoração de bolos, Marileia chegou a marca de 2.857.101 visualizações. Gravação: Paris Cake Designer

Com os quitutes prontos, Marileia passou a vendê-los de carro, de “porta em porta”, com o apoio fundamental do companheiro e dos filhos.  “A gente saía todo sábado à tarde, aí ia nos salões de beleza, nos comércios, nas casas das pessoas que a gente conhecia, e a gente vendia tudo, voltava para casa com o porta-malas vazio”, afirma. Não demorou muito para que as portas abertas se tornassem mais frequentes em São Francisco do Sul. Devido aos clientes assíduos, a confeiteira passou a sair de casa apenas para fazer entregas, pois todos os produtos que saíam do forno, já tinham seus compradores certos.

Marielia durante produção de bolos. Foto: Acervo

Com o afastamento definitivo do marido, Marileia decidiu aperfeiçoar-se com a confeitaria. Participou de diversos cursos, e viu-se preparada para um outro despertar de sua vida: ensinar. Das técnicas que aprendeu em sua trajetória de confeitar sonhos, a francisquense aponta uma paixão especial pela pasta americana e pelas flores de açúcar, tornando-se referência no trabalho com a massa colorida que é sucesso nos aniversários de hoje em dia. 

A confeiteira acumula milhões de visualizações em seu canal no YouTube: Foto: Acervo

A ideia de migrar seus ensinos às redes sociais começou com rotineiras lives. “Bem desengonçada, sem experiência”, comenta humorada. Aos poucos, as lives passaram a ter uma boa audiência, e foi de sugestão dos amigos, principalmente dos filhos, o incentivo para abrir o canal, em abril de 2019. O sucesso foi tamanho que, em apenas nove meses, atingiu 100 mil inscritos. “Não imaginava que teria tanta repercussão em tão pouco tempo”, afirmou surpresa. 

A francisquense é sucesso entre as confeiteiras da região. Foto: Acervo

Hoje, com quase dois anos de existência, Paris Cake Designer tem 490 mil inscritos e acumula milhões de visualizações, com cerca de 2 milhões em cada vídeoaula sobre montagem de bolos. Para a boleira, seu canal foi uma bênção na vida, pois lhe ajuda a ensinar, algo que ama, e também divulga seus produtos, estimulando muitas novas encomendas. Outra questão abordada pela, agora, professora de confeitaria, é a transformação que suas aulas realizam nas vidas dos alunos, que retornam em mensagens de agradecimentos, pois, segundo ela, acabaram descobrindo uma nova fonte de renda, e, até mesmo, amenizam a depressão, adoçando a vida. 

Uma infância não tão doce 

Marileia teve uma infância pobre no bairro Acaraí, em São Francisco do Sul. Trabalhou desde pequena, como doméstica e babá. Naquela época, seu doce favorito era “nega maluca”, mas raros eram os dias que tinha todos os ingredientes para fazê-la, sempre faltava algo. Quando a vontade batia mesmo, ia de casa em casa pedir um bocadinho de cada coisa, até juntar tudo e se deliciar com o famoso bolo de chocolate, em partilha com os seus cinco irmãos. Marileia sugere que foi dali que surgiu seu amor pela confeitaria, pois sempre era alegria quando fazia bolo em casa. 

Para ajudar a juntar um dinheirinho para a comida da família, Marileia lembra de uma infância acompanhando sua mãe em vendas pelas ruas do município, outra sugestão referida por ela sobre a facilidade em vender de “porta em porta” posteriormente. “Tirava lenha, tirava palha, vendia samambaia, peixe. Percorríamos bairros da cidade empurrando uma bicicleta, pois ela não sabia andar, este era nosso sustento”, contou sobre a mãe que, segundo ela, era uma mulher batalhadora. 

Os momentos de felicidade, como este do bolo gostoso de chocolate e das vendas em companhia da mãe batalhadora, sempre acabavam em pouco tempo. Além dela e dos irmãos, havia outro morador dentro de casa: a violência doméstica.  “Minha mãe sempre sofreu agressão, violência doméstica, e nós sofríamos com ela”, revelou sobre as lembranças que têm dos pais. Mudanças constantes, decorrentes de separações e retornos, faziam com que a família nunca tivesse estabilidade.

Após casar, Marileia afirma que fez o possível para tirar a mãe da casa do pai, mas, segundo a doceira, “ela tinha muita pena dele, porque a família dele não era daqui, ele sempre se fazia de vítima, de doente, e ela sempre voltava”, conta.

Em 2016, a tragédia aconteceu. Na frente das filhas, o pai desferiu uma facada no peito da mãe, assassinando-a e abrindo uma ferida profunda em toda a família, que adoeceu de tristeza.  “Meu pai foi preso, julgado, condenado, e morreu em setembro de 2019, ainda preso”, lamentou Marielia sobre o triste fim de seus pais.

Marileia e a mãe, assassinada em 2016 pelo marido. Foto: Acervo

A francisquense ressalta que, para suportar a dor que sentia, buscou apoio em sua força e dos céus, para que o amargor não contaminasse sua vida. Ela afirma que este movimento de se apegar ao trabalho foi fundamental para superar o trauma.  “Quando a gente se encontra em dificuldades, a gente tem que arregaçar a manga, confiar em Deus, e seguir adiante.  Fazer destas dificuldades, destas lutas, um degrau para subir, crescendo e evoluindo como ser humano e profissional”, aconselhou. 

Às boas lembranças, Marileia dedica-as à mãe, em honra por sua luta, que fez com tão pouco o essencial pelos filhos. “Agradeço a Deus por ele ter me mandado como mãe um ser tão iluminado, com um caráter tão bom”, agradece e sugere a todos que revertam a dor da própria infância em alegria às crianças de hoje. 

Adoçando infâncias

Enquanto confecciona grandiosos e deliciosos bolos de aniversários infantis, Marileia olha para trás e se vê ainda menina. Lá, na infância, conta que nunca ganhou um bolo de aniversário. Sabendo que esta é ainda uma realidade entre crianças de São Francisco do Sul, ela faz questão de participar de ações solidárias, adoçando infâncias. 

Bolo feito para uma festa com crianças carentes de São Francisco do Sul. Foto: Acervo

“Sempre estou de prontidão para ajudar. Faço cada bolo, cada doce, com muito amor e carinho, dedico muita oração em cima do meu trabalho”, afirma. 

A cereja do bolo de sua grandiosa história tornou-se um conselho, seguido por ela e dedicado aos leitores:

 “Se você se pegar em um momento de luta, de provação, de dificuldade, não se desespere. É difícil na hora, a gente acha que tudo está desabando na cabeça. Use como um degrau para você crescer profissionalmente, como profissional, como ser humano. Não deixa a dificuldade te derrotar ou te levar para caminhos errados”, finaliza.

Siga o Folha Norte SC e receba mais notícias de São Francisco do Sul!

Texto: Herson Schorr

Jornalista formado pela Faculdade Bom Jesus Ielusc

Conte sua história para o Folha Norte SC, pelo WhatsApp: 47 991311992

23 Comments on "Conheça a história da confeiteira de São Francisco do Sul que acumula milhões de visualizações em seu canal no YouTube"

  1. Paris vc simplesmente foi um anjo enviado por Deus p iluminar as vidas de alguns aqui em baixo..obg por ser essa águia ? inspiradora p tantos..sigo, te admiro, me inspirou e copio tudo aquilo q me faz crescer…obg por existir.

  2. Jaine Fernandes dos Santos da Silva | 15/04/2021 at 1:32 pm | Responder

    Parabéns Mariléia pela sua história,pela sua superação pois sabermos que só o Senhor Jesus pode arrancar a dor de um trauma como este.Que Deus abençoe vc e sua família sempre ???

  3. História triste me deixou emocionada, minha infância também não foi muito boa mas temos Deus no meio de tudo o que nos ajuda a prosseguir e nos dá força!Que Deus esteja sempre contigo parabéns pelo o sucesso sou sua seguidora e fã ?❤

  4. História de superação, Deus continue abençoar sua vida e família, muito sucesso na sua caminhada, Deus é contigo

  5. Que linda história de superação. Deus abençoe cada vez mais Maríleia. Acompanho seu canal no YouTube. Já admirivava vc. Agora admiro ainda mais.

  6. Paula virginia | 15/04/2021 at 2:59 pm | Responder

    Oi Paris, lindo seu trabalho e linda sua história de superação um dia chego lá, já aprendi muito c vc, também faço bolos pra fora. um abração sua admiradora do Rio grande do su-Arroio do sal, litoral norte de Porto Alegre

  7. Maria da Consolação | 15/04/2021 at 3:07 pm | Responder

    Paris sua história é muito comovente e vc é um batalhadora !Vc venceu as dificuldades e colocou Deus na sua vida !Tenho 74 anos e minha infância é um pouco parecida com a sua !sou casada á 56 anos e tenho uma família muito abençoada graças a Deus ! Amo ver seus trabalhos !Faço bolo só para os netos e a família !Aprendí muito com vc Mariléia Que Deus te abençoe sempre !

  8. ELIZETE BATISTA DA SILVA | 15/04/2021 at 3:47 pm | Responder

    Que história quanta superação determinação e muita fé parabéns Mariléia vc e ema mulher abençoada por Deus sua fã que te admira ainda muito mais que antes bjos

  9. ❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤

  10. Alzira Soares | 15/04/2021 at 4:47 pm | Responder

    Uma referencia na Confeitaria , creio que não só na cidade dela mais no Brasil e mundo ,pois quem a acompanha sabe o carinho que tem com quem a acompanha ,e sabe o quanto de amor tem dedicado a cada trabalho. Pessoas desse tipo não se encontra facilmente na atualidade, serve como inspiração para quem esta começando não só na Confeitaria , mais em qualquer outra função .Deus sempre a frente

  11. Marry festas | 15/04/2021 at 5:06 pm | Responder

    Fiquei emocionada com sua história de vida, você e uma guerreira e vencedora! Agradeço a Deus por ter você como professora pois me espelho muito em seus ensinamentos, pulo do e perseverança. uma história de muita tristeza mais que sua fé transformou em luz e sucesso! Parabéns querida, te desejo tudo de melhor na sua vida, sua família e seu trabalho.

  12. Sonia Maria Costa Rocha | 15/04/2021 at 5:55 pm | Responder

    Estou muito orgulhosa de ser amiga dessa mulher guerreira de um enorme coração amo vc amiga

  13. Linda sua trajetória apesar de todo sofrimento vc conseguiu seguir e ajudar muitas pessoas com sua generosidade em ensinar
    Parabéns Deus abençoe sua vida
    Bjsss no coração

  14. Francislaine costa | 15/04/2021 at 7:13 pm | Responder

    Parabéns,você é uma profissional espetacular
    Tirei o curso de Páscoa adorei,você explica lindamente
    Deus continua te abençoado.

  15. Que linda homenagem desse jornal!!! Parabéns por enaltecer uma pessoa de caráter tão nobre como a Paris…. ??

  16. Cristina santanna | 15/04/2021 at 9:20 pm | Responder

    Parabéns Paris,que infância comovente é a sua tbm não tive uma boa infância, essa sua superação só pode ser divina minha querida, não mera coincidência q vc se tornou essa pessoa doce,como Deus é fiel em nossas vidas né? Transformou vc nessa pessoa digna,doce,batalhadora,junto a seu esposo tbm enviado por Deus pq ele já sabia de tudo e de toda sua necessidade, que ele continue abençoando vc e sua família e vc continue essa pessoa linda!!!!

  17. Raquel Macedo | 15/04/2021 at 9:32 pm | Responder

    Tenho grande admiração por vc! Tua fé, tua garra, tua superação de vida é abençoada e reconhecida por Deus!
    Parabéns Paris vc é um exemplo para todos nós ?

    reta com Deus …e isso

  18. Nossa que história linda de dedicação e amor pela confeitaria, obrigado por existir.você é uma pessoa iluminada.

  19. TATIANI LOPES | 15/04/2021 at 10:45 pm | Responder

    Nossa que história, que triste infância. Sempre digo que nas nossas vidas temos a opção do caminho a seguir, e vc com muito amor e sabedoria mudou toda sua trajetória. Que Deus continue te abençoando com muita saúde e luz … vc é luz, da pra ver nos seus olhos e no seu trabalho o seu imenso Amor pelo o que vc faz. Parabéns, Parabéns pela super cake designer, pela mãe exemplar que és, pela esposa fantástica… Parabéns por ter vencido tudo com muito Amor.

  20. Manuel Pedro | 16/04/2021 at 4:00 pm | Responder

    Puxas, é difícil respirar direito ao ler essa história. Está aí a razão porque Deus te deu esse dom e graça. Só aumentou o meu respeito por ti Marinela. Sou seguidor das tuas páginas e tenho conseguido me embrenhar no mundo da confeitaria com as tuas dicas aqui em Luanda/Angola. Que Deus continue te abençoando e abrindo caminhos férteis para você trilhar.

  21. Helena Cavalcante | 17/04/2021 at 11:54 am | Responder

    Parabéns Paris pela mulher guerreira, lutadora, caprichosa que vc tem demostrado. Deu a volta por cima na sua vida. Que Deus continue abençoando vc e td sua família.Sou sua fã, amo seus trabalhos. Bjs.

  22. Oi boa tarde tudo bem só Antonia de Salvador sua história de vida é emocionante triste e ao mesmo tempo linda é uma história de superação sinto por seus pais vc é vencedora Deus cuida de cada um de nós e super todas as nossas necessidades ???????? parabéns pra sua família ????????

  23. Mauricio da Conceição Ferreira | 18/04/2021 at 10:24 pm | Responder

    Linda sua história que Deus continue te abençoando sua vida e sua família mulher guerreira exeplo à seguir espero apreder muito com vcs um forte abraço

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*