Casal é preso em flagrante após bebê morrer em Garuva

Três mulheres chegaram à UPA de Garuva com um bebê de três meses morto. Segundo informações preliminares publicadas pelo site O Município, a PM foi acionada após o médico que examinou a criança identificar hematomas.

Segundo a PM, o pai da criança, um homem de 19 anos, relatou que a esposa, 17, deixou o bebê com ele para comprar um lanche, em Guaratuba (PR).

O pai conta que a criança estava dormindo que foi até o quarto verificar e a encontrou espumando pelo nariz e boca. Ele a pegou no colo, a enrolou no cobertor e embarcou em um trator em direção a Garuva.

No município, pai encontrou a família retornando da compra do lanche e embarcou no carro para continuar o socorro na UPA de Garuva. Segundo a PM, a família relatou que a criança parou de respirar no caminho.

Devido à suspeita, o casal foi preso em flagrante e conduzido para a Polícia Civil e liberados em seguida. Um inquérito policial será aberto para investigar o caso.

O Folha Norte SC está em contato com a Polícia Militar e Civil da região para apurar mais notícias sobre o caso.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*