Araquari inicia vacinação contra gripe nesta segunda-feira

No início desta primeira fase da campanha devem ser vacinados as crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade, gestantes, puérperas e indígenas

A partir desta segunda-feira (12), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Araquari inicia a vacinação contra a influenza nas seis salas de vacinação do município. No início desta primeira fase da campanha, que segue até 10 de maio, devem ser vacinados as crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade, gestantes, puérperas e indígenas. Por conta do baixo quantitativo de doses, a vacinação acontecerá de forma escalonada e os trabalhadores da saúde serão vacinados conforme a chegada de mais imunizantes. 

Para se vacinar, o grupo prioritário não precisa agendar horário, mas recomenda-se que se entre em contato com a unidade de saúde mais próxima de casa para se informar sobre a procura ou o melhor horário para atendimento, a fim de não gerar aglomeração. 

Confira os locais de vacinação: 

Unidade de Saúde Maria de Fátima Silvano – Centro
 (47) 3305-0184

Unidade de Saúde Joaquim Monteiro Cabral – Porto Grande
 (47) 3433-1337

Unidade de Saúde Rosalina Modesta da Costa – Itapocu
 (47) 3452-2339

Unidade de Saúde João Antônio Ignácio – Rainha
 (47) 3452-0353

Unidade de Saúde Nicanor Corrente – Itinga I
 (47) 3465-4630

Unidade de Saúde Geny Westrupp – Itinga II
 (47) 3454-7770
 

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica da SMS, Ana Paula dos Reis, explica que nesta primeira fase serão priorizados os grupos que não pertencem ao grupo da vacinação contra a Covid-19: crianças, gestantes e puérperas. “Diferente dos outros anos, os idosos serão vacinados contra a gripe na segunda etapa, em maio, quando há expectativa de que já estejam imunizados contra o coronavírus”, explica. Lembrando também que, para os grupos contemplados nas campanhas contra Covid-19 e Influenza, deve-se respeitar o período de 15 dias entre uma dose e outra dos imunizantes. 

As etapas da Campanha de Vacinação contra a gripe serão as seguintes:

Primeira etapa (12/04 a 10/05): crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias); gestantes; puérperas; povos indígenas; trabalhadores da saúde;

Segunda etapa (11/05 a 08/06): idosos com 60 anos e mais; e professores das escolas públicas e privadas;

Terceira etapa (09/06 a 09/07): pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; pessoas com deficiência permanente; forças de segurança e salvamento, forças armadas; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; funcionários do sistema prisional; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*