Moradora de Campo Alegre apresenta tradição da Osterbaum

De primeiro momento, há uma impressão de ser, apenas, um adereço decorativo para a chegada da Páscoa; porém, seu significado é rico em simbolismo cristão

Quem visita Campo Alegre nesta época do ano poderá se deparar com árvores de galhos secos cheias de ovinhos coloridos. De primeiro momento, há uma impressão de ser, apenas, um adereço decorativo para a chegada da Páscoa; porém, seu significado é rico em simbolismo cristão.

Osterbaum na Alemanha. Foto: Internet

A Osterbaum, traduzida ao português como “Árvore de Páscoa” foi trazida para o Brasil pelos imigrantes alemães. No país de origem, além de celebrar a chegada da primavera após um inverno rigoroso, o colorido das casquinhas de ovos de galinha, ou, os mais modernos, de plástico, representam a ressurreição de Jesus Cristo, que está encubada dentro do ovo, símbolo da expectativa da vida que está prestes a começar. Os galhos secos, onde estão pendurados, diz respeito à sua morte, assim como a aparente morte da natureza, com o inverno.

Todos os anos, Clarisse decora sua casa e comércio com a Osterbaum. Foto: Acervo

Clarisse Sprung, 48 anos, é moradora de Campo Alegre e, todos os anos, decora sua casa e seu comércio com a Osterbaum. A campo-alegrense costuma guardar as casquinhas de ovos com meses de antecedência para, na véspera da Páscoa, decorá-los de forma artesanal.

Ela explica que, conforme o costume alemão, deve-se colocar o galho seco dentro de casa na Sexta-Feira Santa e enfeitar no Domingo de Páscoa. “Mas, hoje em dia, já não segue mais tão a risca. Pelo menos, não na minha família, porque as pessoas querem curtir como enfeite”. Clarisse afirma que a grande maioria das pessoas nem fazem ideia do significado e pensam que é uma “Árvore de Natal fora de época”, comenta.

Segundo a tradição, um ganho seco é colocado dentro de casa na Sexta-Feira Santa e decorado no Domingo de Páscoa. Foto: Acervo

Para a comerciante, montar a Osterbaum com a família em sua casa é, sem dúvidas, celebrar a vida e as boas novas que a Páscoa traz. “E talvez muitos ainda se perguntem: mas, porque ovo? Dentro dele está a vida, delicadamente protegida pela fina casquinha”, finaliza.

Siga o Folha Norte SC no Facebook e receba mais notícias de Campo Alegre e região!

Texto: Herison Schorr

Jornalista formado pela Faculdade Bom Jesus Ielusc


Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*