São Francisco do Sul contabiliza em três meses R$162 mil de prejuízo com fiação elétrica furtada

Foram mais de 5 kms de cabos de cobre furtados; devido ao aumento exponencial desses atos, em um ano, o prejuízo pode passar de um milhão de reais

Fundamentais para a qualidade da iluminação pública, as redes de fiação elétrica vêm sendo alvo constante de episódios de vandalismo para furto de cabos de distribuição em São Francisco do Sul. As redes de energia subterrâneas, alternativa esteticamente mais bonita em relação às redes aéreas, são os principais alvos dos infratores, pela facilidade de acesso através do solo.

O furto de cabos de cobre para venda no mercado clandestino está se tornando cada vez mais frequente e é um dos principais fatores que provocam problemas financeiros para o município. Nos últimos três meses, o prejuízo com esses atos criminosos chegou a R$162 mil.

Foram mais de 5 kms de cabos de cobre furtados, devido ao aumento exponencial desses atos, em um ano o prejuízo, pode passar de um milhão de reais .“O município tem uma perda significativa com os furtos de cabos de cobre, não só pelos cabos em si, mas também com o custo das obras e da mão de obra de reposição”, explica Jonathan Tillmann, gerente de Assuntos de Eletrificação.

Ainda há mais prejuízos quando os equipamentos são danificados, além do prejuízo financeiro para a Prefeitura, a população também é muito afetada com o comprometimento da segurança pública gerada por essas ações criminosas.

O Código Penal prevê prisão de 1 a 4 anos e multa em caso de condenação por furto ou pela receptação de material roubado. A população pode ajudar denunciando à polícia movimentação de pessoas suspeitas próximas às caixas subterrâneas ligando para 190 SQE LUZ Manutenção de iluminação pública. Para ocorrências de problemas, lâmpadas queimadas ou falha na iluminação pública municipal. Ligue: 0800 – 645 – 6405 Obs: No caso de falta de energia, a ligação deve ser para a Celesc pelo telefone 0800 – 480196.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*