Diarista de SFS aposta na venda de ovos de Páscoa após perder renda com pandemia

“A maioria das minhas patroas são de idade avançada e de risco, e acabei perdendo muita casa, só estou com uma. Pago aluguel, ‘tá difícil’, estou apostando minhas fichas nestes ovos”, contou Eunir de Souza, moradora do bairro Ubatuba

A francisquense Eunir de Souza, moradora do bairro Ubatuba, trabalha com ovos de Páscoa há cerca de oito anos, tornando-se sua tradição de vendas. Porém, no ano passado, o que era apenas um complemento no dinheiro da família, tornou-se renda crucial após perder inúmeras diárias com a pandemia da Covid-19, assim como seu marido, que é pedreiro. “A maioria das minhas patroas são de idade avançada e de risco, e acabei perdendo muita casa, só estou com uma. Pago aluguel, ‘tá difícil’, estou apostando minhas fichas nestes ovos”, contou em entrevista ao Folha Norte SC.

Foto: Divulgação

Eunir lembra que no primeiro ano trabalhando com chocolate fez um curso para aprimorar a técnica com ‘ovos de colher’. Naquele período foram vendidos 20 ovos. Após cada Páscoa, foi conquistando mais clientes. “Cheguei a vender 180 ovos, ano passado diminuiu um pouco por causa da covid, mas vendi 120”, conta. Para a confeiteira, o sucesso das vendas está na qualidade do chocolate que usa e na fartura dos ingredientes, onde utiliza uma lata de leite condensado para cada ovo.

Foto: Divulgação

Para esta Páscoa, a francisquense oferece os sabores: castanha, amendoim, beijinho, brigadeiro, maracujá, sonho de valsa, alpino, nutella. Os valores variam entre R$ 25 para os ovos de 200g com bombom dentro; R$ 45 para os ovos de colher e R$ 60 para os ovos trufatos, que pesam 800g.

Mesmo ainda sem poder trabalhar como diarista, Eunir está confiante para tornar o dinheiro revertido com a venda dos ovos de Páscoa em um alívio nas contas da família.

Interessados em encomendar os ovos de Páscoa de Eunir, entre em contato pelo WhatsApp: 47 99229-8441.

Texto: Herison Schorr

Jornalista formado pela Faculdade Bom Jesus Ielusc

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*