Presidente da Fecam, Clenilton Pereira, assina protocolo de intenções com Câmara Brasil-Rússia

Documento tem como objetivo desenvolver relações econômicas e financeiras, em especial, ao interesse dos municípios pela compra da vacina contra o coronavírus Sputnik V

A assinatura do protocolo de intenções entre a Federação Catarinense dos Municípios e a Câmara Brasil-Rússia de Comércio, Indústria e Turismo (CBR) tem o objetivo de desenvolver relações econômicas e financeiras, em especial, ao interesse dos municípios pela compra da vacina contra o coronavírus Sputnik V, fabricada pelo Instituto russo Gamaleya. O documento foi assinado pelo presidente da entidade, o prefeito de Araquari, Clenilton Pereira, em uma cerimônia que contou com a presença virtual do presidente da Câmara Brasil-Rússia, Gilberto Ramos, e com o senador da República, Dario Berger, na manhã desta quinta-feira (4).

A vacina Sputnik V teve eficácia de 91,6% contra a doença, de acordo com resultados preliminares publicados na terça-feira, 2. A eficácia contra casos moderados e graves da doença foi de 100%. O presidente da Fecam lembra que a entidade tem buscado parcerias e maneiras de adquirir vacinas, além das que o Governo Federal está adquirindo e distribuindo. A FECAM foi a primeira entidade municipalista a assinar um protocolo de intenções com o instituto Butantan para aquisição de doses da vacina CoronaVac aos municípios catarinenses.

Clenilton explica que esse protocolo de intenções com a Rússia busca, também, estreitar o relacionamento em outros setores. “Pensando no todo, na tecnologia, no turismo, no desenvolvimento. A Rússia tem investimentos por todo o mundo e porque não trazer para Santa Catarina, para os municípios catarinenses. Acredito que a Fecam tem essa função de trazer parcerias para enfrentar os desafios da municipalidade”, finaliza.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*