Campo Alegre inicia campanha para combater proliferação de borrachudo

As ações iniciaram no Centro e se estenderam em diversas localidades do interior. Conforme os responsáveis pelo controle, os resultados devem aparecer nos próximos 45 dias

Na última semana a secretaria de saneamento ambiental, iniciou as aplicações do produto para combater a proliferação do mosquito borrachudo. As ações iniciaram no Centro e se estenderam em diversas localidades do interior. Conforme os responsáveis pelo controle, os resultados devem aparecer nos próximos 45 dias.

Segundo o Secretário de Saneamento Ambiental, Artur Bastos, inicialmente foi utilizado 25 litros do larvicida BTI  – Bacillus thuringiensis israelensis -. A próxima aplicação será realizada em ciclos de 15 dias. De acordo com Bastos, além do acúmulo de água em alguns pontos, ambientalistas apontam que o lixo e dejetos de animais também são criatórios do mosquito, por isso, recuperar a mata das margens dos riachos previne a infestação.

Os borrachudos costumam voar durante o dia, com sol quente, são nativos da Mata Atlântica e bem pequenos. Eles atacam as partes do corpo expostas, causando desconforto e irritação. Em muitos casos, também atacam animais.

O defensivo usado para o controle dos borrachudos é biológico e não agride o meio ambiente. Segundo a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), o BTI não causa danos em animais aquáticos, nem em outros animais que bebem a água. É um produto específico para combate de larvas do inseto.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu email não será publicado


*