Amunesc entrega projeto para Hospital Regional ampliar número de leitos de UTI

Medidas devem agilizar a conclusão das obras e contribuirão para a habilitação de 20 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva

A Amunesc concluiu, nessa terça-feira (21), os projetos de adequação da rede de gases medicinais e de construção da nova central de gases do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt. As medidas devem agilizar a conclusão das obras e contribuirão para a habilitação de 20 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Após habilitação, a nova unidade será direcionada para atendimento de pacientes com Covid-19 da região. A entrega dos projetos foi realizada na tarde de hoje à direção do Hospital pela secretária-executiva da Amunesc, Simone Schramm. 

“Concluímos o projeto antes do prazo porque entendemos a urgência da habilitação destes novos leitos. Também por esse motivo tivemos a adequação da rede de gases, com a previsão de instalação das réguas de forma emergencial. Assim teremos agilidade no andamento das obras e poderemos concluir os leitos mais rápido”, afirmou Simone. 

O projeto elaborado pela Amunesc prevê a instalação de réguas de controle de gases nas cabeceiras dos 20 leitos e a construção da nova Central de Gases Medicinais do hospital. Atualmente a central de gases ocupa o local onde duas vagas de UTI serão instaladas. A construção da Central em novo local possibilitará a desocupação e a finalização dos leitos. 

O coordenador da macrorregional de saúde de Joinville, Thiago Furtado, acompanhou a entrega do projeto. “Este é um avanço significativo. Serão mais 20 leitos  para o SUS que atenderão toda a macrorregião nordeste e planalto norte, que hoje sofrem com a alta ocupação em todos os hospitais”, declarou. Thiago é o responsável da Secretaria de Estado da Saúde pela gestão dos leitos de UTI SUS da macrorregião. 

A documentação entregue inclui os projetos arquitetônico, estrutural, de eletricidade e o projeto mecânico de gases medicinais, além dos memoriais descritivos e do quantitativos de materiais a serem utilizados nas obras. A força-tarefa para a conclusão das novas UTIs inclui também a participação da Secretaria Municipal de Saúde de Joinville e da Associação Comercial e Industrial de Joinville (Acij), além da Secretaria de Estado da Saúde, responsável pela administração do hospital.

Input your search keywords and press Enter.